Blog

21/out

Combatendo a obesidade infantil com lancheiras saudáveis

O Brasil passa por um processo de transição nutricional alarmante: de crianças desnutridas passamos a apresentar crianças obesas. A obesidade é reconhecida mundialmente como uma doença, e que é responsável por trazer consigo diversas outras como diabetes e hipertensão.

A obesidade na infância pode ser tratada, mas requer cuidados e uma ação complexa, pois envolve mudanças de hábitos alimentares e colaboração da família, do ambiente escolar e o pouco entendimento da criança sobre as consequências do excesso de peso em longo prazo.

Atualmente, é muito incentivado o uso do espaço escolar para o desenvolvimento de ações e melhorias das condições de saúde e do estado nutricional das crianças, sendo um ambiente indispensável para o desenvolvimento de iniciativas de promoção a saúde, como programas de educação alimentar e nutricional, que envolvam toda a comunidade escolar, de modo que criem mudanças de comportamentos e práticas alimentares das crianças.

No momento de montar a lancheira dos pequenos, é importante a família fazer escolhas saudáveis que sejam capazes de suprir a necessidade energética e nutricional da criança, ser saborosa e visualmente atraente.

Inicialmente, é necessário um planejamento semanal dos alimentos, levando em consideração a necessidade de alimentos fontes de energia, de preferência os integrais ou rico em fibras, que aumentam a saciedade da criança, como por exemplo, sanduíches naturais, pães caseiros, cookies integrais, batata doce cozida, milho cozido, pipoca, aveia, frutas e etc.

Frutas devem estar presentes sempre que possível, pois são excelentes fontes de vitaminas e minerais. Para a bebida, a água é uma boa opção, mas também podem entrar na lancheira das crianças: água de coco, sucos de frutas natural ou chás gelados feitos em casa, evitando-se o consumo de sucos de caixinha ou em pó, ricos em açúcar.

FONTE: Blog da Saúde.

Compartilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInPin on Pinterest