Blog

Aquíferos subterrâneos se esgotam em ritmo alarmante, diz estudo da Nasa

Um novo estudo com a ajuda de satélites da Nasa mostrou que mais da metade dos principais aquíferos subterrâneos do mundo estão se esgotando a um ritmo alarmante. Publicado neste mês de junho pela revista “Water Resources Research” e divulgado pelos meios de comunicação, o estudo diz que 21 das 37 maiores reservas subterrâneas do planeta perderam mais água do que receberam durante uma década de observação, entre 2003 e 2013.

Há 13 delas que experimentaram, no período de análises, fortes declives em seus níveis de água. Esses aquíferos subterrâneos fornecem 35% de água usada pelos seres humanos, por isso que a situação “é bastante crítica”, nas palavras de Jay Famiglietti, cientista da Nasa e pesquisador da Universidade da Califórnia.

“Dada a rapidez com a qual estamos consumindo as reservas mundiais de água subterrânea, necessitamos de um esforço global coordenado para determinar a quantidade que resta”, advertiu o pesquisador. Os dados foram captados pelos satélites Grace da Nasa, que captaram as mudanças nos níveis de água dos aquíferos entre 2003 e 2013.

As reservas em pior situação estão em regiões pobres e muito povoadas, como o noroeste da Índia, Paquistão e o norte da África. Os especialistas alertam que a mudança climática e o crescimento da população contribuirão para piorar ainda mais a situação destes aquíferos subterrâneos. O exemplo é o estado da Califórnia (EUA), atingido pela seca e que está obtendo agora 60% da água que necessita das reservas subterrânea diante da média de 40%.

Fonte: Época Negócios

Compartilhe:
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInPin on Pinterest